Make your own free website on Tripod.com


§ Ahrimanes §


Os Ahrimanes originaram-se dos Gangrel Antitribu. Desde que chegaram à este continente, os Gangrel tanto da Camarilla, quanto do Sabbat caminharam rumo às regiões selvagens do sul, encontrando um certo número de tribos nativas. Muitos desses Gangrel estabeleceram seus refúgios bem próximos aos vilarejos nativos. Eles alimentavam-se dos povos destes vilarejos, porém os defendiam da ameaça do Homem Branco.

A fundadora desta linhagem era uma Gangrel Antitribu, de nome Muricia. Ela estudava os poderes dos xamãs e utilizou esta magia para romper o vínculo que mantinha com seu Senhor e seu Clã, fazia isto por não concordar com a constante guerra entre as duas facções rivais dos Gangrel Antitribu. A maior parte dos Gangrel (Sabbat) estavam preocupados demais em acabar com suas disputas entre as suas facções Urbanas e Rurais.

Porém, quando Muricia utilizou os poderes taumaturgicos dos xamãs nativos, ela separou-se de seu Clã e seu sangue tinha sido alterado permanentemente. A magia dos Rituais que ela usou afetou seu corpo, mudando até mesmo sua aparência vampírica. Não demorou para que Muricia combinasse a magia espiritual dos xamãs com suas disciplinas Gangrel, obtendo pouco a pouco um extraordinário poder, a diferenciando ainda mais de seus semelhantes.

Muricia tentou criar outros a partir dela, porém logo descobriu que não podia, pois sua vitae havia se tornado infértil. Ela aprendeu que se pegasse um outro Gangrel, e usasse o mesmo ritual xamã que a modificou, o efeito seria o mesmo, e assim o fez, e criou outro semelhante à ela. Por causa disso, todos Ahrimanes são na verdade Gangrels que tronaram-se Ahrimanes. Além disso, Muricia permitiu que somente mulheres pudessem juntar-se à sua progênie, acreditando que o homem seja inferior e só traz mais conflitos. Esta Tradição permanece até os dias de hoje.

Os Ahrimanes são, de certa forma, uma linhagem artificial. Todo Ahrimane renuncia à formação passada pelo seu Clã antes de se juntar à linhagem.

Esta linhagem é pouco numerosa, e ocupa principalmente as regiões do Alabama, Georgia, Mississipi, Louisiana e redondezas. Todos seus Membros são extremamente reservados e violentos, gostam de bens materiais, riqueza e de manter cada vez mais humanos sobre seu controle, como seus peões. Gostam também de formar grupos, como matilhas, apesar da oposição dos Lasombra. O Sabbat aceita seus costumes, devido aos valores de liberdade que a seita prega. Por outro lado, os Ahrimanes ajudam bastante ao Sabbat, observando os modos da ameaça lupina.


Apelido: Mulheres Maldosas, Mulheres Infernais, Mulheres de Sorte, etc...

Aparência: Não existem homens entre os Ahrimanes. A maioria delas vestem-se de estilos bem práticos, vestindo roupas de couro e outros materiais semelhantes. Muitas conservam seus cabelos, como os de suas ancestrais da Espanha e México, embora a tendência esteja mudando. Elas tem a pele ligeiramente escura, diferenciando-as dos outros Membros, sendo difícil superá-las ao se passar por um humano. Armam-se de forma bem variada, algumas preferem armas brancas, outras armas de fogo.

Refúgio: As Ahrimanes, geralmente, moram em grandes mansões, próximas às áreas fortemente habitadas. Todas mantém seus covis subterrâneos, sendo quase impossível um inimigo chegar lá. Ao contrário do que podem pensar, as Ahrimanes não são mais nômades. Todas se envolveram demais nos negócios mortais, e passam um bom tempo viajando, mas somente dentro de seus territórios.

Antecedentes: O critério destas mulheres, é seus novos membros venham a ser lutadoras competentes e verdadeiras sobreviventes. Apesar deste aspecto, a Mão Negra não comporta mais que duas ou três Ahrimanes. Para cada nova Ahrimane, é designado um Senhor, que se tornará responsável pelo seu treinamento nos costumes de sua nova linhagem.

Criação de Personagem: Todos os Ahrimanes, sem nenhuma exceção, devem ser mulheres. A maioria tem o conceito Profissional ou Trabalhadora. A Natureza é, normalmente, Sobrevivente, ou orientada à sobrevivência e/ou poder. O Comportamento pode variar um pouco, mas a maioria se mostra como Sobrevivente ou Solitário. É comum um Ahrimane, possuir Contatos, Recursos e Rebanho, como antecedentes. Toda Ahrimane tem de gastar no mínimo, três pontos na característica Mentor.

Disciplinas: Animalismo, Presença e Spiritus.

Fraquezas: Por causa da natureza de sua existência, as Ahrimanes não conseguem gerar uma prole e não podem estabelecer um Laço de Sangue com outros. Sendo assim, isso lhes impõem certos limites em suas relações mortais ou não. Se você utiliza Defeitos e Qualidades em suas Crônicas, o defeito "Sangue Fraco" (4 pontos) expressa bem a fraqueza da linhagem.

Citação: "Pobre homem, você entrou em meu território. Pra você, eu reservei algo mais interessante que a morte."

Estereótipos

Sabá - Pode ser que ele venha até nós, porém nós seguimos nosso próprio caminho, sem volta. Sempre demonstramos lealdade, mas nunca vamos dar importância maior aos seus Membros.

Camarila - Estes pequenos peões querem tudo em suas mãos. A única coisa boa que possuem é seu sangue, e este deve ser liberto de seus corpos na melhor oportunidade.



Spiritus


Esta disciplina provém das forças espirituais da natureza. Os Ahrimanes aprenderam ela com os xamãs nativo americanos. Esta Disciplina é altamente versátil, conferindo aos Ahrimanes uma forte vantagem sobre outros Membros nas regiões selvagens.

* Conversar com Espíritos: A Ahrimane pode conversar com espíritos próximos à ela, pela duração de uma cena. Este poder não altera as chances de reação do espírito frente ao Ahrimane. O usuário comunica-se telepaticamente com o espírito.

Sistema: Para conversar role Raciocínio + Lingüística (Dificuldade 6). Cada sucesso permite a comunicação com o espírito durante um turno. Naturalmente que, o espírito não é obrigado a responder.

** Convocar Espírito Selvagem: A Ahrimane pode convocar o espírito de um animal morto para ajuda-la. O espírito está predisposto a ajudar quem o chamou, e segue seus comandos telepáticos. O espírito é capaz de fazer todas as ações que fazia em vida.

Sistema: Teste Carisma + Empatia com Animais para convocar o espírito. Cada sucesso determina o período de tempo que, o espírito animal permanecerá neste plano.

1 Sucesso
1 Turno
2 Sucessos
5 Turnos
3 Sucessos
Uma Hora
4 Sucessos
Uma Noite
5 Sucessos
Uma Semana

*** Aspecto Animal: A Ahrimane adquiri poderes similares ao animal que a possuir, de acordo com o espírito em particular pode-se obter grandes poderes.

Sistema: O usuário rola Manipulação + Ocultismo (Dificuldade 7), é necessário o despendido de um Ponto de Sangue para obter os poderes. Os poderes permanecem em um turno por sucesso. Ainda que, se o espírito enfraquecer na concessão dos poderes, o vampiro deve gastar outro Ponto de Sangue. Obs.: Abaixo estão relacionados alguns poderes que podem ser concedidos por certos espíritos.

Olhos de Falcão: A Ahrimane enxerga a longas distâncias, como se estivesse com os olhos de um Falcão.

Ruídos de Grilos: Este é um poder que ao ser usado gera um certo aborrecimento, fazendo sons bem barulhentos, o vampiro ensurdece aqueles que estiverem próximos por algumas horas.

Velocidade do Cervo: A Ahrimane move-se duas vezes mais rápido que o normal.

Força do Urso: A Ahrimane ganha dois pontos em Força.

Ferocidade do Puma: Em todos os teste de Moral/Coragem, a dificuldade é menor.

Mordida do Castor: Este poder faz com que a mordida da Ahrimane ganhe força e fique bem afiada, podendo cortar quase que, qualquer substância.

Veneno da Serpente: A mordida da Ahrimane transmite uma toxina venenosa que, somente, em vítimas vivas causa a perda de dois níveis de vitalidade. Os danos continuam até que o veneno seja removido ou que o poder espiritual da Ahrimane termine.

Cores do Camaleão: A Ahrimane adquiri a capacidade do Camaleão, capaz de mudar a sua cor de acordo com o ambiente.

Salto do Sapo: Com a concessão deste poder, a Ahrimane adquiri a habilidade de saltar três vezes mais alto e/ou distante do que conseguiria normalmente.

Percepção da Lebre: A Ahrimane pode ouvir como um coelho, reduzindo a dificuldade dos testes de Percepção em dois, mas somente aqueles que envolvem Audição.

Faro de Cachorro: A Ahrimane ganha a sensibilidade no olfato à grandes distâncias de um determinado mortal. Ela deve ainda cheirar e seguir um rastro ou vestígio, rolando Percepção + Sobrevivência (Dif. A cargo do Narrador).

Equilíbrio do Esquilo: A Ahrimane move-se por galhos e membros de árvores, ou mesmo por cordas esticadas, ou faz acrobacias com poucas chances de uma possível queda. Todos os testes envolvendo atividades físicas tem suas dificuldades reduzidas em dois.

**** O Chamado da Fúria:Este poder permite a Ahrimane usar um espírito animal para recuperar sua Força de Vontade. Contudo, isso destrói o espírito.

Sistema: Teste Manipulação + Intimidação (Dif. 8). Para cada sucesso obtido, recupera-se 1 ponto de Força de Vontade; toda vez que o Ahrimane usa este nível, ele destrói um espírito.

***** A Besta Interior: Neste nível, a Ahrimane pode assumir uma forma meia felina, adquirindo com isso certas vantagens físicas e psíquicas. Ela assumi o aspecto de um gato, meio-homem e meio-gato (Bastet). E pode também determinar essa reação animal, em contrapartida esta pode ficar indisposta.

Sistema: A mudança é automática e aumenta a Força em 3 pontos, Destreza e Vigor em 2 pontos. Aparência cai à 0 e Manipulação é reduzida em 3 pontos. O vampiro adquire garras, que como os seus dentes vão causar danos agravados. O olfato, a audição e a visão noturna são melhorados, duas vezes mais que o normal.


Este material foi encontrado na Internet e transcrito aqui!

[Voltar]